Novidades

Poemas: Transbordado



Poemas, por Wellington Souza


Um dos conceitos que não nos ensinam (ou que, pelo menos, não 'pregam') é o de saciedade.

Aquela gostosa seria suficiente por uma noite e depois não existiria depois. Queremos até transbordar e depois não queremos mais e depois queremos mais.



"Ah! Bruta flor do querer
Ah! Bruta flor, bruta flor"*

E paradoxal, irônico, é que até quando não queremos, queremos algo.



Ao extremo da saciedade

Queria saber ser tanto assim
ser tanto sem fazer desse tanto
muito, demais, transbordado.
Ser copo cheio e belo copo cheio
sem ser copo cheio e derramado de tão cheio
lambuzado
imperfeito.

Ser um peixe no rio
e ser o peixe do rio que ela fisgou
e ser peixe no rio fisgado
escolhido
mas que continua no rio
abanando o rabo como cachorro feliz.



Platônicos

Um amor simples e saciado
talvez se desate
se desgaste e vire cafés-da-manhã
que apenas em arrotos da memória
nos retornará.

Perigosos são os jejuados
insaciados.
Frutos de uns pedaços
do passado
que nunca nos
serviram.




Amor na fronteira do medo

Amor é a derrota do medo;
esse sinônimo de
Homem.

É a bandeira branca hasteada
nos lábios.

A espada
o escudo
a armadura
a adaga
espalhados com o vestido pelo chão do quarto
tomado.



*Caetano Veloso, 'O quereres'. 

*
 Para ler mais poemas do autor, clique aqui

Créditos da imagem:
Gota de Leite, por Jan Cleber Paiva

Um comentário:

  1. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    COMPARTIENDO ILUSION
    BENFAZEJA

    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...




    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE MEMORIAS DE AFRICA , CHAPLIN MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

    José
    Ramón...

    ResponderExcluir