Novidades

Partes de mim





Poemas por Ianê Melo.


O ESTRANGEIRO

"Outrora eu era daqui,
e hoje regresso estrangeiro,
forasteiro do que vejo e ouço,
velho de mim.
Já vi tudo, ainda o que nunca vi,
nem o que nunca verei.
Eu reinei no que nunca fui."

Do Livro "Desassossego" Fernando Pessoa


Um estrangeiro em seu próprio país. Esse eu sou.
Olho à minha volta e não reconheço o que vejo.
Partes abstratas fora de mim.
Estrangeiras.
Incompreensíveis.
Meus ouvidos escutam uma língua que não compreendo.
Um torpor me invade e corroi por dentro essa angústia.
Sem pátria, sem rumo, sem língua, sem chão, sem paradeiro.
Estrangeiro eu sou em meu próprio país.
Quando solto o verbo, se grito, se berro, minha voz se faz calar.
Dialeto estranho, incompreensível e insano.
Louco sou, porém poeta.
Da vida escrevo o que sinto e nem sempre é o que vejo,
apenas pressinto.
O belo clamor que urge da sonoridade da fala, em mim,
é o que cala.
E o coração sangra aberto em ferida.
Tenta em vão cicatrizar dor tão profundamente doída.
Dessa tênue linha divisória a que chamamos... VIDA.



AO MEIO

meio santa
meio demônio
meio virgem
meio devassa
meio inteira
meio pela metade
meio simples
meio complicada
meio certa
meio errada
meio sim
meio não
meio maldosa
meio ingênua
meio louca
meio sã
meio religiosa
meio pagã
meio doce
meio amarga
meio alegre
meio triste
meio menina
meio mulher
meio humana
meio bicho
meio Yin
meio Yang

metades de mim
tão opostas
formam esse ser
essa qualquer coisa
que existe
e busca ser inteira



NOITE EM MIM

Me perdi na ausência das horas
e tudo se fez vazio
Nas linhas mal traçadas
na falta de sentido
nas palavras sem nexo
na perda do juízo
E hoje me afogo
nas águas profundas
do meu próprio abismo
e me vejo só com meu descuido
Pelas noites mal dormidas
pelas palavras não ditas
pelo afeto negado
A boca se cala
numa prece contida
Os olhos cansados
repousam no escuro
As mãos se fecham
sobre o colo inerte
Descanso em mim
enquanto a noite cai.

*


Créditos da imagem: Site olharees - fotografia online
nude, por Jose Luis Cunha.

2 comentários:

  1. HUMMMM... COISA LINDA ISSO!!! GOSTEI DE LER!! APLAUSOS! MEUS CARINHOS, BEIJO E MUITA PAZ!!
    PEDRO CAMPOS.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Pedro! Que gostoso te ver por aqui!
    Obrigada pelo carinho. Bjs.
    Namastê!

    ResponderExcluir